Últimas Notícias:

World2Fly pretende basear um dos seus A350 em Lisboa


 

A World2Fly, que vai iniciar as suas operações à partida de Lisboa para as Caraíbas em julho com um A330-300, tem encomendados dois aviões A350, um deles para basear em Lisboa a partir de maio do próximo ano, altura em que conta ter já as suas operações à venda como voos regulares, revelou hoje o CEO da W2M, Gabriel Subías.

As operações da World2Fly à saída de Lisboa este ano serão operadas com o A330-300, com a matrícula EC-LXR, com capacidade para 388 passageiros, com um voo por semana para Cancun a partir de 11 de julho, um voo semanal para Varadero a partir 17 de julho e outro para Punta Cana a partir de 19 de julho.

Além do A330-300 baseado em Lisboa, a companhia tem previsto receber um A350 com 432 lugares no próximo mês para voar de Madrid para as Caraíbas.

Em 2022, a World2Fly prevê receber o seu terceiro avião, também um A350, que “vai basear-se em Lisboa a partir de maio”, afirmou o CEO da W2M.

A expectativa de Gabriel Subías para este ano, que diz ser “um ano muito peculiar”, é “encher os voos desde Portugal”, reconhecendo porém a imprevisibilidade das restrições de viagens.

“A nossa expectativa é difícil porque cada mês as coisas mudam, estamos mais dependentes da regulação sanitária do que da procura”, sublinhou Gabriel Subías.

De referir que a World2Fly apresentou na semana passada as primeiras fotos do seu primeiro A350  e da equipa que está presente em Toulouse para preparar o Phase-in da nova aeronave.