Últimas Notícias:

AN-28 encontrado após aterragem forçada na Sibéria, todos os passageiros sobreviveram


 

O avião de passageiros que tinha desaparecido esta manhã dos radares quando sobrevoava a Sibéria foi encontrado.

Foi obrigado a fazer uma aterragem de emergência e todas as 18 pessoas a bordo sobreviveram, afirma a agência aérea russa citada pela agência France-Presse.

O ministro das Emergências já tinha avançado que havia sobreviventes, não tendo no entanto avançando com números.

De recordar que um avião de passageiros russo Antonov AN-28 tinha desaparecido esta manhã dos radares na Sibéria ocidental.

As primeiras informações indicam que o aparelho tinha entre 13 a 17 pessoas a bordo. Os controladores aéreos perderam-lhe o rasto quando sobrevoava a cidade de Tomsk, na Sibéria.

“O aparelho desapareceu do radar no distrito de Bakcharsky. O farol de localização de emergência foi acionado. Há 17 pessoas a bordo, incluindo quatro crianças e três elementos da tripulação”, disse uma fonte dos serviços de emergência à agência TASS.

A aeronave, que pertence à companhia aérea Siberian Light Aviation, partiu da cidade de Kedrovy para Tomsk. Um helicóptero Mil Mi-8 foi enviado para ajudar nas buscas.

A Rússia melhorou significativamente a segurança da sua aviação desde os anos 2000, quando as principais companhias aéreas do país mudaram de antigas aeronaves soviéticas para aviões mais modernos.

Problemas de manutenção e, às vezes, falta de conformidade com as regras de segurança ainda são um problema, nomeadamente em áreas remotas do país, onde aviões ou helicópteros são veículos preferenciais para ligar localidades remotas.

Na semana passada, um avião da era soviética An-26 caiu na remota península de Kamchatka, matando todos os seus 28 passageiros e tripulantes.