Últimas Notícias:

Dívida de 16 milhões obriga aeroporto a bloquear aviões da Virgin Australia

O aeroporto de Perth, na Austrália, está a utilizar máquinas pesadas e veículos da empresa para impedir que algumas das aeronaves da Virgin Australia possam operar.

Esta acção prende-se com o facto de existirem grandes valores em dívidas, cerca de 16 milhões de dólares pelo uso de aeroportos e terminais.

De acordo com as informações, neste momento estão impedidos de operar 4 aparelhos da companhia.

Em comunicado a entidade gestora do aeroporto diz que é uma prática comum nestas situações e que, enquanto trabalhava com a companhia aérea para superar a crise do coronavírus, precisava proteger os seus próprios interesses., assumindo os aviões como garantia.

“O aeroporto de Perth ativou as penhoras sobre uma série de aeronaves da Virgin – uma prática padrão nessas situações”. O executivo-chefe do aeroporto de Perth, Kevin Brown, disse que as quatro aeronaves bloqueadas não estavam actualmente em operação

Apesar de toda a situação, não pode dizer que ao mesmo tempo que o aeroporto activou as penhoras sobre os aviões, o mesmo, não está a ajudar a companhia permitindo a continuação das suas operações.

Kevin Brown indicou:

“Na verdade, estas quatro aeronaves não estão ao serviço no momento”;

“Duas delas estão sem motores, uma delas tem um problema no trem de aterragem, estando há várias semanas estacionada.”

“Nós, de todas as pessoas, queremos ver uma indústria de aviação viável na Austrália, queremos ver mais de uma companhia aérea na Austrália”.

Brown disse que a Virgin Australia entendeu que toda esta situação fazia parte do processo e que os voos actuais não serão afectados, com a Virgin a operar cerca de 180 voos através do Terminal 2.