Últimas Notícias:

Segundo A320neo para a SATA Azores Airlines


 

O segundo A320neo para a SATA Azores Airlines já surgiu completamente montado e pintado nas instalações da Airbus em Toulouse.

O futuro CS-TSM, batizado de “Natural”, a mesma livery do atual CS-TKQ, vai brevemente iniciar os testes de solo e voo antes de ser entregue à companhia.

A aeronave, com o número de série 11889, irá realizar os voos de teste com a matrícula F-WWTU.

De recordar que a Azores Airlines recebeu no dia 7 de novembro de 2023 o seu primeiro A320neo “Pure”.  Praticamente dois meses depois a aeronave ainda aguarda certificação para poder operar comercialmente.

De referir que todos os 3 modelos A320 ceo da companhia vão entrar faseadamente em processo de phase-out, para ser iniciado o processo de phase-in dos dois A320neo.

Os novos A320neo irão servir as rotas para o Pico e Faial e operar rotas de longo curso como é o caso de Montreal, Bermudas e possivelmente Boston, pontualmente.

Este é um processo normal de qualquer companhia aérea por forma a ter a frota mais eficiente e económica possível:

CS-TKP – 20 anos

CS-TKK – 18 anos

CS-TKQ – 18 anos

Quando o processo de phase-out dos A320ceo estiver concluída, a companhia ficará com uma frota composta por 7 modelos da família A320neo: 2 A320neo, 2 A321neo (CS-TSG, CS-TSF) e 3 A321LR (CS-TSI, CS-TSH, CS-TSJ).

Com a saída dos modelos A320ceo a companhia vai ficar com uma da frota com média de idade de 3,9 anos.

O A320neo e os modelos derivados fazem parte da família de aviões de corredor único mais vendida no mundo. A variante A320neo foi a primeira a voar e entrar em serviço. Com um peso máximo de decolagem de 79 toneladas, possui capacidade para 165 passageiros numa configuração comum de duas classes, com um alcance de 6 850 quilómetros.

Segundo a Airbus, esta variante possui uma economia de combustível de 16% por assento e um custo operacional 25% menor, em comparação com as versões anteriores.