Últimas Notícias:

Qatar Airways e Omni Air International vão operar para a Air Canada


Devido à proibição dos voos operados com equipamento Boeing B737MAX a Air Canada foi obrigada a definir um plano para mitigar problemas na sua operação.

O plano definido pela companhia, tem para já, como data limite o dia 1 de agosto. A Air Canada contratou outras companhias aéreas por forma a aumentar a sua capacidade.

A partir de 15 de junho, a Qatar Airways vai operar com dois Airbus A330-200 para realizar os voos diários entre Montreal e Barcelona e os voos entre Montreal e Paris.

A partir de 2 de junho, a Omni Air International vai operar com um Boeing 767-200ER as rotas entre Vancouver e Honolulu e Maui.

Do plano definido pela companhia está também o prolongamento do leasing de várias aeronaves que estavam para sair da frota. Assim sendo, três Airbus A320 e três Embraer 190 irão permanecer mais tempo na frota.

A Air Canada também está a acelerar a entrada de seis aeronaves Airbus A321 da WOW Air na sua frota. Para o conforto do cliente, as primeiras quatro dessas aeronaves, apesar de terem menos de três anos, estão a ser reconfiguradas, equipadas com Wi-Fi e pintadas com a marca Air Canada Rouge e irão começar a entrar na frota em maio, um mês antes do previsto. Os dois restantes entrarão em serviço mais tarde.