Últimas Notícias:

Não há sobrevivente na queda do Boeing 737-800 da Ukraine International Airlines

 

Um Boeing 737-800 da Ukraine International Airlines, da Ucrânia, caiu esta quarta-feira, dia 8 de janeiro, logo após a descolagem no Aeroporto Internacional de Teerão.

O avião envolvido neste trágico acidente tinha a matrícula UR-PSR e iria realizar o voo PS752 entre o Aeroporto Internacional de Teerão e o Aeroporto Internacional de Boryspil.

A bordo da aeronave seguiam 167 passageiros e nove membros da tripulação. Não há sobreviventes.

De acordo com as informações partilhadas pela agência Reuters a aeronave caiu três minutos depois de levantar voo, na consequência de problemas mecânicos, contudo, e segundo alguns jornais árabes através das suas contas no Twitter, indicam que o acidente resultou de fogo cruzado nos céus de Teerão, durante o bombardeamento de posições norte-americanas no Iraque.

Circulam imagens de possíveis marcas de fogo bélico, não existindo qualquer confirmação.

 

Passageiros

A lista dos 167 passageiros e 9 tripulantes foi divulgada pelo Governo da Ucrânia e inclui:

  • 83 iranianos
  • 63 canadianos
  • 10 suecos
  • 4 afegãos
  • 3 alemães
  • e 3 britânicos

 

Irão não entrega caixas pretas aos EUA

 

O Irão não irá entregar as caixas pretas do avião ucraniano acidentado à fabricante de aviões Boeing, disse o chefe da organização de aviação civil de Tearão. Ali Abedzadeh também disse que não está claro para qual país o Irão irá enviar a caixa para que os seus dados possam ser analisados, informou a agência de notícias semi-oficial Mehr.