Últimas Notícias:

Lockheed ex Luzair é afundado para criação de recifes de corais artificiais (Fotos e Vídeos)


A Autoridade da Zona Económica Especial de Aqaba (ASEZA) afundou um LockStar L-1011 TriStar nas águas do Mar Vermelho, próximo ao local de mergulho do Rei Abdullah Reef. 

O avião Lockheed L-1011-500 Tristar – 193H-1248, esteve ao serviço da Luzair e nos últimos anos estava estacionado no Aeroporto Internacional King Hussein.

O avião esteve ao serviço:

CS-TMP Luzair 2004-01-24
CS-TMP Air Luxor 2000-05-01
SE-DVI Novair 1998-02-26
V2-LEK Air India 1995-12-16
CS-TEG TAP Portugal 1989-01-23
JY-AGJ Royal Jordanian 1985-06-03
N64959 Lockheed 1983-08-22

O Lockheed juntou-se assim ao Hércules C130 que foi afundado em novembro de 2017.

A ASEZA contratou uma empresa especializada para preparar o avião para o seu afundamento.

Foi acordado com as partes interessadas representadas no comitê do projeto para afundar a aeronave perto do antigo porto de fosfato a uma profundidade de (15-28) metros.  O local é completamente livre de recifes de coral, com áreas arenosas relativamente largas e planas, e com alguma presença de tapetes de ervas marinhas. A presença da aeronave permitirá a criação de recifes de corais artificiais, habitat para peixes e outros organismos marinhos..  

She’s finally sinking!

Publicado por Scuba Diver em Segunda-feira, 26 de agosto de 2019

A ASEZA deu grande atenção aos efeitos ambientais do afundamento e tomou todas as medidas para garantir a proteção e a segurança do meio ambiente marinho em cooperação com todas as autoridades e associações relevantes e interessadas. Antes do afundamento, todos os materiais perigosos foram removidos para cumprir as melhores práticas ambientais.