Últimas Notícias:

KLM aumenta a sua oferta em Lisboa e no Porto no mês de agosto

 

A KLM – Real Companhia de Aviação Holandesa anunciou hoje, 28 de julho, que vai aumentar a sua oferta de voos de/para Portugal em agosto, das 42 frequências semanais (ida e volta) operadas em julho para as 70 no próximo mês. A oferta da companhia aérea dos Países Baixos cresce ligeiramente em Lisboa, mas mais que triplica no Porto.

A oferta de destinos volta a aumentar em agosto. Em Portugal, após o regresso ao Porto o mês passado, Lisboa – Amesterdão-Schiphol, que mantém um voo/dia desde 28 de março, passa a oferecer 3 voos diários (contra os 2 em julho), enquanto que Porto – Amesterdão-Schiphol passa de 4 voos/semana para 2 voos/dia (14 semanais). O presente programa está naturalmente sujeito à evolução da presente situação.

O programa em Lisboa e no Porto inclui aviões com paragem noturna nos respetivos aeroportos (night stop), permitindo partidas de manhã cedo e mais oportunidades de ligação à rede europeia e internacional em Amesterdão-Schiphol.

Em simultâneo, a companhia francesa do Grupo Air France-KLM, a Air France, oferece as rotas Faro – Paris-CDG (lançada no início de julho com 1 voo/semana, passou os 4 voos semanais a 13 de julho); Lisboa – Paris-CDG (após voltar a ser diário a 6 de junho, passou, progressivamente, para 4 voos diários a 13 de julho; e Porto – Paris-CDG: após retomar a 6 de Junho, com 3 voos semanais, serviço voltou a ser diário a 18 de junho e passou a 2 voos diários a 13 de julho. Com esta oferta, o Grupo Air France-KLM vai oferecer mais de 160 voos semanais de/para 3 aeroportos portugueses em agosto.

Reitera-se que o presente programa está sujeito à evolução da presente situação.

» Rede europeia e intercontinental

A rede europeia da KLM vai aumentar nos próximos meses dos 72 destinos em julho para os 91 em agosto, setembro e outubro. O número de destinos intercontinentais passa dos 51 em julho para os 59 em agosto e os 61 em setembro e outubro. A KLM oferece aos seus clientes a maior variedade de destinos possível, ainda que o número de frequências e a capacidade permaneçam bem abaixo do nível pré-COVID-19.

A KLM optou, em primeiro lugar, por ampliar o número de destinos, para que os clientes tenham acesso à maior oferta possível. O próximo passo é aumentar as frequências ou a capacidade, introduzindo aviões maiores em determinadas rotas.

» Novos destinos 

A KLM vai inaugurar novos destinos: Cork (Irlanda) e Southampton (Reino Unido) em agosto e Riad (Arábia Saudita) em setembro.