Últimas Notícias:

Incidente com A320 da TAP em Copenhaga


O site The Aviation Herald indica que um Airbus A320-200 da TAP Air Portugal, com a matrícula CS-TNV, que no dia 8 de abril estava a realizar o voo TP 754 entre Lisboa e Copenhaga (Dinamarca) com 102 passageiros e 7 tripulantes, aterrava na pista 30 de Copenhaga por volta das 12:05L (10:05Z ), sofreu um incidente.

De acordo com os dados da ADS-B transmitidos pela aeronave, a velocidade sobre o solo diminuiu drasticamente de cerca de 133 para cerca de 120 nós e até mesmo para 101 nós, antes de iniciar a recuperação da velocidade e da altitude, após o go-around.

A aeronave nivelou a 3.000 pés e acelerou para velocidades normais, tendo a tripulação posicionado o avião para outra aproximação à pista (22L) do aeroporto de Copenhaga, sem mais incidentes, cerca de 20 minutos  após abortar a primeira aterragem.

Neste momento a aeronave ainda está em Copenhague cerca de 75 horas após a aterragem, estando programado para hoje um voo ferry para Lisboa.

Testemunhas de solo relataram que a aeronave bateu com a asa esquerda na pista, e possivelmente com o motor (CFM56), o que já foi desmentido.

Hoje, 11 de abril de 2022, o Havarikommissionen da Dinamarca (HCL, Danish Accident Investigation Board) informou que classificou a ocorrência como um incidente grave e abriu uma investigação. Os resultados preliminares sugerem que não houve contato anormal com o solo, como batida de asa ou motor, e a aeronave permaneceu intacta. O HCL posteriormente esclareceu que não há indicações visuais ou marcas indicando que a asa ou o motor fizeram contato com o solo. 

A TAP informou que o voo abortou a aterragem devido a razões técnicas quando já estava na pista e está a colaborar plenamente com a investigação.

A companhia aérea não tem nenhum relato de danos à aeronave. A trajetória de voo e o desempenho estão sendo analisados ​​na investigação de segurança. A aeronave vai regressar a Lisboa ainda hoje.