Últimas Notícias:

euroAtlantic desmente acordo da STP Airways com a Ceiba


 

A euroAtlantic já se pronunciou, em comunicado, sobre as últimas noticias que davam contam da assinatura de um acordo entre o Governo de São Tomé e Príncipe e a companhia aérea Ceiba para a operação dos voos entre aquele país e Portugal,

“A euroAtlantic airways afirma ser falso que exista um Memorando assinado entre a sua participada STP AIRWAYS e a companhia Ceiba Intercontinental”

A companhia refere ainda:  “considera gravíssimo o que tem sido oficialmente comunicado à imprensa nacional e internacional não podendo aceitar que o Governo de São Tomé e Príncipe, unilateralmente, sem consulta ao maior accionista, investidor de direito internacional, e credor da sua companhia nacional, tenha assinado um “Memorando” em nome da STP AIRWAYS”.

O Memorando que tem sido referido nas notícias, e pelo qual alegadamente a CEIBA, companhia de aviação da Guiné Conacri, irá colocar aviões ao serviço da companhia são-tomense, na qual a euroAtlantic tem 40% do capital, foi “assinado na capital da Guiné Equatorial, Malabo, pelo Presidente (Não Executivo) da STP AIRWAYS, António Aguiar”.

“Não tem nenhum valor jurídico”, declara a companhia portuguesa que acrescenta que “esta matéria não foi levada a Assembleia Geral de accionistas, pelo gestor nomeado pelo Governo, como os gestores legais Executivos oficializados pelos Estatutos da companhia não tiveram conhecimento da matéria”.

O comunicado termina com a indicação de qua a companhia “não deixará de, junto dos Tribunais Internacionais, requerer uma avultada indemnização compensatória” por considerar estar face a “enormes danos e prejuízos”.