Últimas Notícias:

Emirates poderá despedir até 30000 mil funcionários


 

De acordo com a agência Reuters, o Grupo Emirates estará a planear o corte de cerca de 30.000 empregos para reduzir custos no meio da pandemia de coronavírus.

Segundo as primeiras informações, a companhia conta com 105 mil funcionários e pretende reduzir esse número em cerca de 30%.

A empresa também está a considerar acelerar o phase-out da sua frota Airbus A380.

Um porta-voz da Emirates disse que ainda não foi feito nenhum anúncio público pela empresa a respeito de “despedimentos na companhia aérea”, mas que a empresa está a conduzir uma revisão de “custos e recursos em relação às projeções de negócios”.

De recordar que o governo do Dubai anunciou em março que iria apoiar financeiramente a companhia aérea que, ainda assim, registou um lucro superior a 377 milhões de euros em março, abaixo das previsões, tendo o grupo, contudo, sofrido uma perda de mais de 855 milhões de euros em receita nesse mês.