Últimas Notícias:

Conheça os números! Entregas da Airbus em 2020 mostram resiliência


 

A Airbus SE (símbolo na bolsa de valores: AIR) entregou 566 aeronaves comerciais a 87 clientes em 2020, números em linha com o plano de adaptação de produção feito em abril de 2020 em resposta à pandemia COVID-19.

Em 2020, as entregas foram as seguintes:

  2020 (inclusive)  2019 (inclusive) 
Família A220   38   48  
Família A320   446 (431 NEO) 642 (551 NEO)
Família A330   19 (13 NEO) 53 (41 NEO)
Família A350   59 (14 A350-1000) 112 (25 A350-1000)
A380  4   8  

 

De modo a ultrapassar as restrições internacionais, a equipa da Airbus desenvolveu uma solução de entrega eletrónica inovadora, que representa mais de 25% das entregas de 2020, permitindo aos clientes receberem os seus aparelhos, mas minimizando a necessidade da deslocação das suas equipas.

“Trabalhar em conjunto com os nossos clientes permitiu-nos ultrapassar um ano difícil. As equipas Airbus, os clientes e os fornecedores conseguiram estes resultados apesar de todo o contexto adverso. Agradecemos aos nossos parceiros e aos governos pelo forte suporte ao setor”, diz Guillaume Faury, CEO da Airbus. “Com base nas entregas de 2020, entramos prudentes, mas confiantes em 2021, mesmo com os desafios e incertezas que ainda se colocam a curto prazo.

Em 2020, a Airbus registou um total de 383 novas encomendas, 268 encomendas líquidas, o que demonstra a confiança do cliente em todos os segmentos de mercado. O A220 ganhou 64 novas encomendas, afirmando-se como a aeronave líder na sua categoria. A família A320 registou 296 novas encomendas incluindo 37 A321XLR. No segmento widebody, a Airbus recebeu 23 novas encomendas, incluindo dois A330s e 21 A350s. Depois de 115 cancelamentos no final de 2020, a carteira de encomendas da Airbus está em 7,184 aeronaves.

A Airbus vai reportar os resultados financeiros da totalidade de 2020 a 18 de fevereiro de 2021.