Últimas Notícias:

Beluga XL 2 já entrou ao serviço


 

O Beluga XL 2 da Airbus entrou ao serviço esta quinta-feira, 9 de janeiro. O primeiro voo do F-GXLH foi entre Toulouse, no Sul da França, e Bremen, no Norte da Alemanha.

O voo descolou às 12:08 e, depois de 1 hora e 56 minutos, o Beluga aterrou em Bremen às 14:04 (hora local).

A Airbus anunciou a construção da sexta unidade do A330XL, mais conhecido como o Beluga.

Segundo a construtora, o aumento do número de unidades do avião irá garantir que a capacidade oferecida pelos BelugaXLs – aviões A330 altamente modificados, adaptados para transportar grandes componentes de fuselagem dentro da rede de produção de aeronaves da Airbus – possa acomodar uma série de possíveis cenários futuros.

“Daqui a alguns anos, poderíamos ver situações como aumentos adicionais da tarifa para nossos aviões ou mesmo a necessidade de parar um dos modelos, o que tornaria essa sexta aeronave ‘extra’ uma parte essencial de nossa rede de transporte”, explicou Bertrand George, chefe do programa BelugaXL na Airbus.

Os dois primeiros BelugaXLs – aviões A330 altamente modificados feitos sob medida para transportar grandes componentes de fuselagem dentro da rede de produção de aeronaves da Airbus – encontram-se em Toulouse, na França.

Em 2023 as seis aeronaves estarão totalmente operacionais, substituindo a frota existente de Super Transporter A300-600ST da Airbus (também conhecido como Beluga STs). Isso, no entanto, não representa o fim dos cinco Beluga STs, estando o seu futuro a ser considerado.

O Beluga XL tem uma capacidade maior que o seu antecessor. A fuselagem tem quase 7 metros de comprimento a mais, e 1,7 metros mais larga, chegando aos 8,8 metros.

O segundo BelugaXL saiu do hangar de produção em março do ano passado para fazer parte do processo de testes de voo, para certificação.

O modelo recebeu a certificação da agência europeia EASA em novembro de 2019, tendo depois passado por um processo de manutenção, antes de iniciar as operações.