Últimas Notícias:

Azul Cargo transporta 3,2 milhões de testes de Covid-19 para o Brasil, Argentina, Peru e Chile


 

Em dois novos voos para a China, as aeronaves da Azul encontraram-se no Aeroporto de Amsterdão, na Holanda, durante uma escala técnica.

De acordo com a companhia, esta foi uma cena inédita e histórica: duas aeronaves A330 com as cores da Azul encontraram-se no aeroporto de Amsterdão, na Holanda.

Enquanto uma delas estava de regresso ao Brasil da China, a outra, estava a caminho do país asiático.

As duas operações, possíveis depois de um amplo e detalhado trabalho de logística da companhia, aconteceram com o mesmo objetivo, realizar o transporte de testes rápidos de Covid-19 para ajudar no combate a pandemia na América Latina.

Foto: Azul

Uma das cargas, pertence à empresa Dbschenker, com 1,5 milhão de testes, desembarcou esta manhã em Viracopos. Utilizando os porões e assentos de uma aeronave cargueira, a companhia embarcou 800 mil testes para Santiago, no Chile, enquanto outros 500 mil testes para Covid estão seguindo em um Airbus A320neo para Buenos Aires, na Argentina.

Esta quarta, dia 1 de julho, a previsão é de que mais um Airbus A320neo descole com os assentos cheios de 200 mil testes para Lima, no Peru. Além dos voos para a América Latina, a segunda aeronave A330 deve regressar ao Brasil dia 2 de julho transportando 1,7 milhão de testes rápidos de Covid-19.

Esse é o 4º voo que a Azul Cargo Express, unidade de cargas da Azul, realiza para a China transportando testes e equipamentos médicos para auxiliar no combate à pandemia do novo coronavírus.

Ao todo, já foram transportados 4,8 milhões de testes rápidos e 133 ventiladores.