Últimas Notícias:

Amazon comprou 11 Boeing 767s da Delta e WestJet para converter em cargueiros


A Amazon comprou 11 Boeing 767-300 da Delta Airlines e WestJet para expandir a sua rede de carga aéreo quando os preços das aeronaves caíram devido à pandemia.

De acordo com a Amazon, os quatro aviões da WestJet vão juntar-se à frota da Amazon Air este ano, enquanto os sete aviões da Delta serão introduzidos após a sua conversão em 2022.

A Amazon lançou a sua operação de carga aérea pela primeira vez em 2016. No entanto, os aviões anteriores foram alugados.

Em comunicado, Sarah Rhoads, vice-presidente da Amazon Global Air, disse que : “O nosso objectivo é continuar a servir os nossos clientes em todos os Estados Unidos da maneira que eles esperam da Amazon, e comprar a nossa própria aeronave é o próximo passo natural em direção a esse objetivo.”

“Ter uma combinação de aeronaves próprias e alugadas na nossa frota crescente permite-nos planear melhor as nossas operações, o que por sua vez ajuda-nos a manter o ritmo no cumprimento das promessas aos clientes.”

A Amazon Air planeia ter uma frota de mais de 85 aviões, alugados e próprios, até o final de 2022. Actualmente, tem 74 aeronaves em serviço, incluindo 22 unidades Boeing 737s e 52 unidades Boeing 767s.