Últimas Notícias:

A320neo para pistas curtas


 

Recentemente a LATAM Brasil iniciou as operações no Aeroporto Santos Dumont, Brasil, com os seus modelos A320neo.

As operações neste aeroporto tem uma particularidade devido à dimensão da sua pista, obrigando a que as aeronaves que operam nela tenham também algumas particularidades associadas.

Os A320neo da LATAM, assim como os da Azul contam com o pacote SHARP- Short Airfield Package.

Sem dúvida que poderia ser uma boa aposta para os Airbus A320 da Azores Airlines para operarem nas pistas dos aeroportos do Faial e do Pico, Açores.

Este pacote pacote SHARP inclui uma modificação do painel composto Kevlar para o “Fairing Fillet Fairing” da asa, para permitir o melhor desempenho na aterragem e geradores de vórtices ligados ao plano vertical da cauda que melhoram o desempenho na descolagem.

O “Fairing Fillet Fairing” modifica o perfil da asa, permitindo uma maior sustentação em velocidades baixas.Além disso os A320neo estão também equipados com a tecnologia comprovada da ROPS com as funcionalidades aprimoradas da Vigilância de Aterragem. Este sistema oferece um conjunto abrangente de segurança de pista projetado para aumentar significativamente a segurança na aterragem.

Airbus and NAVBLUE : ROPS & Landing Surveillance

Airbus and NAVBLUE : ROPS & Landing SurveillanceCombinando a tecnologia comprovada da ROPS com as funcionalidades aprimoradas da Vigilância de Aterragem, a AIRBUS e a NAVBLUE oferecem um conjunto abrangente de segurança de pista projetado para aumentar significativamente a segurança na aterragem.

Publicado por Kiosque da Aviação em Sábado, 27 de abril de 2019

 

No vídeo abaixo é possível verificar o sistema a solicitar – “maximum brakes”

 

De referir que os A320ceo também podem ser equipados com um pacote similar; o LIP.

O LIP inclui modificações como espessura mais larga próximo ao bordo de ataque dos slats, colocação de strake na parte externa do motor, extensão do bordo de fuga nas posições 1 e 2 do spoiler.