Últimas Notícias:

A320neo da Transavia já operou em Lisboa (com vídeo)


 

A Transavia realizou o primeiro voo comercial com o seu novo avião Airbus A320neo (matrícula F-GNEO) no 15 de janeiro de 2024, entre Paris-Orly e o Porto.

No dia 16 de janeiro a companhia operou o coo TO7646, entre o Aeroporto de Paris-Orly e o Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa.

O spotter Lisbon Airport Spotting capturou através da sua objetiva o momento.

Poderá ver o filme abaixo:

Na sequência da entrega do primeiro A321neo à Transavia Holland em 19 de dezembro de 2023, a companhia aérea low-cost do Grupo Air-France-KLM vai começar agora a introduzir a nova família de aviões na sua frota.

O A320neo está equipado com motores CFM International LEAP-1A e pode transportar até 186 passageiros em classe única, e ficará sediado no hub de Paris- Orly.

Até ao final de 2024, a Transavia France espera operar 13 aeronaves Airbus A320neo, juntamente com a sua frota de cerca de 70 Boeing 737-800.

Beneficiando das mais recentes inovações tecnológicas, as aeronaves da família A320neo oferecem o melhor desempenho da sua categoria para as necessidades de rede das companhias aéreas do Grupo.

Face a aviões da geração anterior, oferece uma redução do ruído de 50%, bem como de 15% no consumo de combustível e nas emissões de CO 2 . Também permite uma redução de custo unitário de mais de 10%.

A nova e moderna cabine do A320neo da Transavia oferece a todos os clientes de lazer e negócios da transportadora franco-neerlandesa uma melhor experiência durante o embarque e a bordo. Um assento mais confortável, a integração de tomadas USB e maiores espaços de armazenamento: eis um resumo das novidades da futura cabine.

Quanto a esta última característica, a Transavia France optou por espaços de bagagem verticais maiores (opção Airbus XL Bin), que oferece mais 37% de capacidade de armazenamento do que um
compartimento de bagagem convencional. Isto significa que 8 peças de bagagem podem ser armazenadas na vertical (no máximo, 55x35x25 cm) em vez de 5 na horizontal nos compartimentos
normais.

A proporção de aviões de nova geração em toda a frota do Grupo Air France-KLM deverá atingir os 81% até 2030, face aos 21% em 2023.